O que é “publicidade nativa”, e por que ela é controversa?

Postado por

O que é publicidade nativa e por que é controversa? “Publicidade nativa” é o anúncio que se encaixa perfeitamente em uma plataforma, e que parece fazer parte dela. A publicidade nativa está em quase todos os lugares de hoje em dia. Ela está nos resultados de suas buscas, nos feeds de mídias sociais, em apps móveis entre outros.

Há controvérsias quanto ao fato da publicidade nativa ser boa, frequentemente, por parte daqueles que visualizam exemplos de publicidade nativa irritantes, de baixa qualidade ou ofensivos. Mas existem milhares de anunciantes e marketers que escolherem a publicidade nativa como a sua principal estratégia promocional.

Para ajudá-lo a encontrar uma solução para este dilema da publicidade nativa, analisamos os seus prós e contras para ajudar você a responder a duas perguntas importantes:

  1. Por que os anunciantes continuam investindo em publicidade nativa?
  2. Por que os principais publishers do mudo continuam exibindo publicidade nativa em seus websites?

Você também aprenderá como fazer com que a publicidade nativa trabalhe a seu favor.

Por que a Publicidade Nativa Pode ser Ruim

Vamos iniciar nossa discussão sobre a controvérsia envolvendo a publicidade nativa, analisando algumas desvantagens desse recurso.

Campanhas mal produzidas criam uma experiência ruim para o usuário

Às vezes, as campanhas de publicidade nativa são mal produzidas. Elas direcionam os consumidores para sites de baixa qualidade, ou destinam-se ao público errado, causando frustração após o clique.

Além disso, alguns conteúdos patrocinados não são claramente identificados.

Os consumidores que, de repente, descobrem que uma parte do conteúdo é patrocinada, sentem-se enganados, e podem se sentir ludibriados quando o conteúdo é promocional. Isto resulta em uma experiência ruim do usuário. Pesquisas demonstram que as pessoas leem conteúdos promocionais de bom agrado quando elas SABEM que tais conteúdos são promocionais, mas reagem negativamente quando isto lhes é ocultado.

Às vezes, a publicidade nativa não é clara

A publicidade nativa é ética? Uma das razões pelas quais as pessoas perguntam isto é porque pode ser difícil diferenciar o que é um anúncio, e o que não é. Uma pesquisa realizada pela Marketing Land mostra que apenas 20% das pessoas conseguem diferenciar entre uma publicidade nativa e um conteúdo editorial. Segundo a Pew Internet, 23% das pessoas compartilharam, inadvertidamente, artigos de notícias inventadas (alguns dos quais aparecem como publicidade nativa).

Isto levanta preocupações éticas porque, assim como fazemos a distinção entre uma opinião e uma reportagem na imprensa, é importante que as pessoas saibam a diferença entre um conteúdo promocional e um conteúdo informativo online.

Por que a Publicidade Nativa é Boa

Após discutir algumas preocupações das pessoas com relação à publicidade nativa, é hora de examinarmos algumas razões pelas quais a publicidade nativa é boa.

As plataformas de publicidade nativa revisam os conteúdos

A maioria das plataformas de publicidade nativa revisam os conteúdos antes de transmiti-los, e possuem políticas rigorosas para evitar a disseminação de informações errôneas. No início da pandemia da COVID-19, a Taboola atualizou suas políticas e dedicou um cuidado adicional de revisar seus conteúdos para evitar a publicação de informações enganosas ou que induzissem o pânico.

As pessoas gostam de BOA publicidade nativa

As pessoas não odeiam a publicidade; elas odeiam a publicidade irrelevante. A boa publicidade nativa é apreciada. Uma pesquisa da Semify mostra que 45,4% dos consumidores dizem que os conteúdos patrocinados são mais relevantes para eles, e 67,2% dos consumidores são mais inclinados a clicar em conteúdos patrocinados, do que em anúncios em banners.

Anúncios relevantes, direcionados e que não fazem com que as pessoas se sintam ‘vendidas’, podem proporcionar uma boa experiência para o usuário e ser muito eficazes.

Muitas pessoas respondem bem à uma boa publicidade nativa.

Publicidade nativa apoia bons conteúdos

As pessoas que publicam notícias e outros conteúdos precisam ganhar dinheiro para manter a sua atividade. A publicidade nativa, quando entregue através de uma rede de descoberta de conteúdo como a Taboola, ajuda os publishers a ganharem dinheiro atraindo mais visualizações para o seu conteúdo. A Bombfell, por exemplo, registrou um aumento de 960% nas conversões via celular através de campanhas de publicidade nativa gerenciada pelos publishers premium da Taboola.

A publicidade nativa funciona

Uma das principais razões pelas quais a publicidade nativa é boa, é que ela funciona. Estatísticas sobre a eficácia da publicidade nativa mostram que 53% dos usuários da web preferem publicidade nativa aos anúncios em banners, e tais anúncios têm uma probabilidade 18% maior de gerar intenções de compra. Outras estatísticas de publicidade nativa mostram que a taxa de cliques nesses anúncios é 8,8 vezes maior que aquela dos display ads, e dois terços dos consumidores da Geração X confiam mais no conteúdo de marca, do que na publicidade tradicional.

O ROI também é excelente. A Vodafone Turkey conseguiu uma redução de 42% no custo por venda através de uma campanha de publicidade nativa.

Como Fazer Com Que a Publicidade Nativa Funcione Para Você

Quando feitas de maneira correta, as ofertas de publicidade nativa proporcionam benefícios aos anunciantes. Considerando que mais de 80% dos usuários da web usam métodos de bloqueio de anúncios, e que os displays ads recebem cada vez menos atenção, a publicidade nativa é uma das melhores formas de alcançar o seu público-alvo. Os consumidores também consideram a publicidade nativa mais envolvente e confiável e, portanto, tendem a prestar mais atenção nela, proporcionando aos anunciantes um mais cliques e vendas.

Para começar a sua estratégia de publicidade nativa, reflita sobre quem é o seu público. Para segmentar os seus anúncios com eficácia, você deverá saber o máximo possível sobre os dados demográficos e os interesses do seu público. Você pode fazer isto no Taboola Marketplace, além de refinar sua pesquisa por tipo de dispositivo e intenção do comprador.

Estabelecer os seus objetivos também é essencial. Você pode querer, por exemplo, gerar leads, impulsionar as vendas, aumentar o tráfego em seu website, melhorar a consciência de marca, ou obter mais assinantes ou membros para a sua oferta. Nesse contexto, você pode ter objetivos de monitoramento de visualização de conteúdos, de tempo de permanência no site, e de conversões.

A 360 Realtors conseguiu aumentar em 48% os leads gerados com uma campanha de conteúdo nativo.

A escolha do conteúdo é muito importante. Não apele para uma abordagem ‘hard sell’. Coloque-se no lugar de seus clientes. Descubra o que eles acham relevante, valioso e interessante. Para ajudar, use a ferramenta ‘Trends’ da Taboola para identificar o que está atraindo os cliques em termos de títulos, imagens, palavras-chave e vídeos.

Por exemplo, a captura de tela de image trends mostrada abaixo, indica que o CTR de fotos é 58% maior do que aquele de ilustrações, enquanto as imagens sem texto obtêm um CTR 48% maior do que as imagens com texto. Este tipo de dados te ajudará a desenvolver os melhores criativos para alcançar o seu público.

Escolher as melhores plataformas de publicidade nativa é outra consideração a ser feita. Você pode gerenciar anúncios nas redes do Facebook e do Google, mas você também pode usar a Taboola. Como uma das maiores plataformas de descoberta de conteúdo do mundo, com anúncios que acessam mais de um bilhão de usuários únicos por mês, a Taboola tem a experiência e os dados que ajudarão você a desenvolver e usar publicidade nativa que atrairá a atenção que você deseja. Você também pode usar uma segmentação refinada para tornar os seus anúncios ainda mais eficazes.

Finalmente, é essencial observar as melhores práticas de publicidade nativa para aproveitar ao máximo a sua estratégia de publicidade nativa. Isto significa:

  • realizar um planejamento e um orçamento antecipadamente, e estabelecer objetivos factíveis.
  • criar ou selecionar o conteúdo de alta qualidade certo para ser promovido.
  • usar a segmentação correta, para otimizar continuamente o seu alcance e impacto.
  • testar e otimizar, para sempre exibir os melhores criativos
  • usar dados de tendências para observar o que funciona melhor, para qual formato e público, e em qual área ou local.

Neste guia, você aprendeu o que é “publicidade nativa” e porque ela é controversa. Nós analisamos as desvantagens da publicidade nativa, e porque ela é boa. Agora, você está preparado para lançar a sua primeira campanha de publicidade nativa.

Crie sua primeira campanha com a Taboola!